Nova Trek Madone SLR 2023: revolução total

Autoestrada 30 jun. 2022 22:06 Guilherme

A Trek Madone SLR 2023 acaba de ser apresentada e, nesta última versão, a Trek deu uma grande reviravolta no design para torná-la a bicicleta mais rápida que saiu de Waterloo.

O ex-campeão mundial Mads Pedersen foi um dos primeiros a usar em competição esta Trek Madone SLR.

Trek Madone SLR 2023: aerodinâmica no limite

Embora não tenha sido mais uma surpresa, depois das imagens vistas em corrida durante a disputa do Critérium du Dauphiné onde foi usada pelos ciclistas da Trek-Segafredo Mads Pedersen, Tony Gallopin e Jasper Stuyven, agora podemos finalmente conhecer todos os detalhes do novo carro-chefe da Trek que a equipe norte-americana usará no Tour de France que começa amanhã.

Havia dois objetivos principais para a Trek na hora de desenvolver sua nova Madone SLR. Em primeiro lugar, reduzir o peso do modelo anterior para valores competitivos e, por outro lado, tratando-se de um modelo aerodinâmico, aproveitar a legislação UCI em vigor desde o ano passado para conseguir uma menor penetração do vento.

À primeira vista, a primeira coisa que chama a atenção é o buraco na parte superior do tubo do selim que ocupa o local onde se situava o sistema de absorção IsoSpeed ????usado pela Trek em suas duas últimas Madone, herdado de seu modelo gran fondo Domane.

O design IsoFlow canaliza efetivamente o fluxo de ar.

Este novo design pensa, em primeiro lugar, em otimizar o fluxo de ar que flui sobre a bicicleta. Além disso, a eliminação do IsoSpeed, que, lembremos, no modelo anterior era ajustável, o que implicava maior complexidade, consegue reduzir significativamente o peso do quadro desta Trek Madone SLR. Isso, juntamente com o novo design do conjunto guidão/mesa integrado, permite uma economia de 300 gramas em relação ao modelo anterior.

No entanto, isso não quer dizer que a Trek tenha esquecido o conforto nesta Madone SLR. No desenho da área, denominado IsoFlow, além do buraco aerodinâmico que fica entre o tubo superior, tubo do selim e seat stay, o tubo superior se prolonga para atrás de forma que, a parte superior do tubo do selim e o canote fiquem suspensos no ar. Se juntarmos a um laminado de carbono específico, temos que a área permite alguma flexão para manter o conforto.

O selim e o canote do selim são suspensos sobre uma zona flexível para maior absorção.

Um conforto que se torna importante devido aos volumes significativos dos tubos da Madone SLR. Isso porque, o redesenho aerodinâmico aproveita o relaxamento dos regulamentos UCI a esse respeito, que a Trek aproveitou para redesenhar os perfis dos diferentes tubos que mantêm uma seção Kammtail com uma borda de escape truncada.

Também com uma melhor aerodinâmica em mente, o conjunto guidão/mesa foi concebido. Neste caso, mais do que conseguir formas com menor resistência ao vento no guidão, trabalhou-se para minimizar o arrasto produzido pelo ciclista, que, não esqueçamos, representa 75% da resistência total do conjunto.

O guidão desta Trek Madone SLR tem 3 cm de curvatura que coloca o ciclista em uma posição mais aerodinâmica.

Para conseguir isso, o guidão desta Trek Madone SLR possui uma curvatura de 3 cm, ou seja, a parte inferior do guidão abre 3 centímetros em relação aos manetes. Isso significa que, por exemplo, se escolhermos um guidão de 42 cm de largura, essa será à medida que obteremos ao segurar embaixo na curva. Na posição habitual, presa às alavancas, a largura será de 39 cm, o que significa que o ciclista fecha mais os ombros, reduzindo assim sua área frontal e, portanto, diminuindo seu coeficiente aerodinâmico.

Montagens e preços da nova Trek Madone

A Trek preparou 6 montagens diferentes para esta nova Madone SLR, todas elas projetadas exclusivamente para grupos eletrônicos Shimano e SRAM. A gama começa com o novo Shimano 105 Di2 e é coroada com o SRAM Red eTap AXS em uma configuração semelhante à usada pela Trek-Segafredo. A propósito, note que os três modelos montados com SRAM incluem um potenciômetro de serie em seus pedivelas.

De qualquer forma, todos eles compartilham quadro, feito com Carbono OCLV Série 800 e o kit de guidão/mesa integrado. Também encontramos homogeneidade nas rodas, onde se elegem o Bontrager Aeoulus Pro com perfil de 51 mm, exceto nos dois modelos superiores que montam as rodas topo de gama Bontrager Aeoulos também com perfil de 51 mm.

Embora ainda não estejam disponíveis, em breve será possível ter uma decoração e montagem totalmente personalizada graças ao programa Project One.

Trek Madone SLR 9 eTap

Trek Madone SLR 9 eTap
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: SRAM Red eTap AXS. Coroas 48/35, cassete 10-33
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus RSL 51
  • Peso: 7,36kg
  • Preço: € 14.999

Trek Madone SLR 9

Trek Madone SLR 9
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: Shimano Dura-Ace Di2. Coroas 52/36, cassete 11-30
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus RSL 51
  • Peso: Não disponível
  • Preço: € 13.999

Trek Madone SLR 7 eTap

Trek Madone SLR 7 eTap
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: SRAM Force eTap AXS. Coroas 48/35, cassete 10-33
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus Pro 51
  • Peso: 7,76kg
  • Preço: € 10.799

Trek Madone SLR 7

Trek Madone SLR 7
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: Shimano Ultegra Di2. Coroas 52/36, cassete 11-30
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus Pro 51
  • Peso: 7,48kg
  • Preço: € 10.299

Trek Madone SLR 6 eTap

Trek Madone SLR 6 eTap
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: SRAM Rival eTap AXS. Coroas 48/35, cassete 10-36
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus Pro 51
  • Peso: 8,03kg
  • Preço: € 8.399

Trek Madone SLR 6

Trek Madone SLR 6
  • Quadro/Garfo: Carbono OCLV Série 800. Garfo KVF full carbon
  • Grupo: Shimano 105 Di2. Coroas 50/34, cassete 11-34
  • Guidão/Mesa: Madone Integrado Carbono OCLV
  • Rodas: Bontrager Aeoulus Pro 51
  • Peso: 7,75kg
  • Preço: € 7.699

Newsletter

Assine a nossa newsletter e receba todas as nossas novidades. Mountain bike, conselhos sobre treinamento e manutenção de sua bike, mecânicos, entrevistas ...

Você vai estar ciente de tudo!